Onde está Shakespeare? (R. Gurgel)

O texto apresentado no link abaixo, de autoria de Rodrigo Gurgel e publicado no Jornal Rascunho, é uma crítica (redigida em 2009) à retomada das traduções de Carlos Alberto Nunes do Teatro Completo de Shakespeare.

O texto é interessante especialmente por apontar a disparidade entre uma tradução demasiadamente rebuscada para o estilo que, ao que parece, o próprio Shakespeare teria tentado imprimir em suas peças: algo que dialogasse mais facilmente com o público.

 

Tradução anacrônica e equivocada transforma as peças de Shakespeare em textos quase ilegíveis e aborrecidos

 

Segue o texto para apreciação:

http://rascunho.gazetadopovo.com.br/onde-esta-shakespeare/

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s