Federico García Lorca*

*Texto de Isabella Brandão M. Martins

Federico García Lorca nasceu na cidade de Fuente Vaqueros em Granada (Espanha)  no dia 5 de Junho de 1898, e é considerado um dos mais importantes poetas e dramaturgos espanhois do século passado. Estudou Direito, Letras e Filosofia  na Universidade de Granada, onde conheceu Manuel de Falla, quem exerceu grande influência sobre Lorca e lhe transmitiu seu amor pelo folclore e pelo popular. Em 1919 se mudou para Madrid e foi morar na Residência dos Estudantes, ali conheceu  poetas de sua geração e fez amizades com artistas como Buñuel e Dalí. Neste ambiente se dedicou a poesia, a música e ao desenho, e começou a se interessar pelo teatro.

Publicou seu primeiro livro de poesia em 1921 que se chamava Livro de Poemas, porém, somente em 1927 obteve reconhecimento literário com seu livro Canções e também com sua peça Mariana Pineda. Lorca escreveu ao longo de sua vida doze livros de poesia e treze peças de teatro, além de sua única obra em prosa: Impressões e Paisagens de 1918.

Morreu fuzilado assim que começou a guerra civil espanhola, em 16 de agosto de 1936. Foi acusado de disseminar idéias liberais em suas obras e também por ser abertamente homossexual.

Poesia

  • Livro de Poemas – 1921
  • Ode a Salvador Dalí – 1926.
  • Canciones (1921-24) – 1927.
  • Romancero gitano (1924-27) – 1928.
  • Poema del cante jondo (1921-22) – 1931.
  • Ode a Walt Whitman – 1933.
  • Canto a Ignacio Sánchez Mejías – 1935.
  • Seis poemas galegos – 1935.
  • Primeiras canções (1922) – 1936.
  • Poeta em Nueva York (1929-30) – 1940.
  • Divã do Tamarit – 1940.
  • Sonetos del Amor Oscuro – 1936

Prosa

  • Impressões e Paisagens – 1918
  • Desenhos (publicados em Madri) – 1949
  • Cartas aos Amigos – 1950

Teatro

  • Assim que passarem cinco anos – Lenda do tempo – 1931.
  • Retábulo de Don Cristóvão e D.Rosita – 1931.
  • Amores de Dom Perlimplim e Belisa em seu jardim” – 1926.
  • Mariana Pineda – 1925.
  • Dona Rosinha, a solteira – 1927.
  • Bodas de Sangue (Trilogia) – 1933.
  • Yerma (Trilogia) – 1934.
  • A Casa de Bernarda Alba (Trilogia) – 1936.
  • Quimera – 1930.
  • El publico – 1933.
  • O sortilégio da mariposa – 1918.
  • A sapateira prodigiosa – 1930.
  • Pequeno retábulo de Dom Cristóvão – 1931.

Fontes:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Federico_Garc%C3%ADa_Lorca

http://hablandorepublica.blogspot.com.br/2012/04/federico-garcia-lorca-el-gran.html

http://es.wikipedia.org/wiki/Federico_Garcia_Lorca

Vídeos sobre Lorca:

http://www.youtube.com/watch?v=eCwqZjku16A

http://www.youtube.com/watch?v=fjToeTZqiN4

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Federico García Lorca

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s